Carderninho, Crédito e Compras à Prazo

Uma vez quando eu estava na sétima série eu abri um caderninho na frente da escola para comprar doce, toda segunda eu pagava tudo com minha mesada, nunca deu problema, mas meu pai quando descobriu ficou irado e brigou comigo, não entendi na hora.

Dias depois mais calmo ele me contou que meu avô tinha um caderninho na venda para comprar comida e outras necessidades, no fim do mês meu avô ia até a venda e pagava o caderninho, mas NUNCA dava de pagar tudo, sempre sobrava uma dívida, e assim foi por anos…

A maior tristeza do meu avô era aquele bendito caderno, necessário, mas impagável. Meu pai sempre ajudou ele na pesca (a origem de minha família é humilde com orgulho), quando finalmente meu pai conseguiu um emprego fixo e recebeu seu primeiro salário ele colocou todo o dinheiro na mão do meu avô e disse: – Pai vai lá e paga aquele caderninho e nunca mais compra fiado… e assim foi… Nunca mais aquele caderno foi reaberto.

————–

Quando finalmente eu tiver meu apartamento em Gaspar a única coisa que vou comprar a prazo é o próprio ap, não tenho como pagar a vista um imóvel então vou me comprometer com a Caixa Econômica Federal por uns 25 anos, mas este crédito é diferente os juros são claros e as prestações diminuem com o tempo, o resto vou fugir como o diabo foge da cruz, além da grana para a entrada me sobrará alguns trocados para comprar os moveis mais básicos (já falei disso em outro post, AQUI para ser exato) e será a vista, na PIOR das hipóteses serão comprados usados, depois cada móvel será comprado a vista, nem que eu fique meses sem ele, prefiro passar sem, que passar aperto, os crediários são absurdos e aumentam mês a mês, no fim é quase como pagar duas vezes uma mesma coisa e suei para ter esse emprego, então vou valorizar meus centavos.

A única exceção que poderia abrir são lojas que vendem em algumas poucas vezes sem juros e sem diferença do preço original (por exemplo a saraiva faz isso).

Acho que fica a dica.

—-

Saído de uma cena do grupo de teatro Improvável:

Pergunta: Como se anuncia um assalto hoje em dia?

Resposta: É só amanhã nas Casas Bahia…

Anúncios

2 Responses to Carderninho, Crédito e Compras à Prazo

  1. Cleber disse:

    Tu realmente pretende ficar morando FOREVER em Gaspar? Po, comprar um imóvel numa cidade que tu não sabes que ficaras pra sempre nem sempre é uma boa idéia. Daqui a pouco passar num concurso noutra cidade….
    Outra. A pouco tempo atrás ajuizamos uma ação civil pública em Chapecó contra a CAIXA por ela estar explorando os clientes com a vergonhosa e criminosa “venda casada”. Conseguimos, inclusive liminar contra o Banco que não poderá mais obrigar os clientes a abrirem contas no respectivo banco, nem exigirem obtenção de cartão de crédito… recebimento do salário na conta… etc etc…

  2. Michel disse:

    Concordo 100% com essa conversa de não fazer crediário. A única coisa que eu não consegui esperar juntar a grana pra pagar a vista foi justamente o apartamento (mas só fiz o financiamento depois de ter certeza absoluta que não pretendo sair de Jaraguá pelos próximos cinco anos, quando o apartamento já estará quitado, em parte com o dinheiro que terei economizado do aluguel, sem falar na previsão de valorização do mesmo).
    Concordo também com o Cléber. É furada investir em um imóvel numa cidade que ainda não conheces e não tens certeza que é onde pretendes “fazer carreira”.
    Pelo que tens escrito aqui no blog acho que não tem como essa ser uma decisão “porra-louca”, ou seja, deve ser algo que já pensaste bastante. Mas sempre é bom pensar mais um pouco antes de imobilizar teu patrimônio e comprometer teu orçamento pelas décadas vindouras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: